Mulheres de todo o Estado compartilham cases de sucesso dentro do associativismo

A comemoração ao Dia Internacional da Mulher foi marcada por histórias de mulheres empreendedoras, de diferentes regiões do Estado, que compartilharam suas experiências no evento “Mulheres que fazem história: Venha descobrir como as mulheres mudaram suas vidas dentro do associativismo”.


O encontro, on-line e com transmissão ao vivo através do YouTube, foi promovido na tarde desta segunda-feira (8), pelo Conselho Estadual da Mulher Empresária de Santa Catarina (CEME), e contou com a participação de seis convidadas, que explanaram sobre sua trajetória no associativismo e inspiraram centenas de nucleadas que assistiram pelo canal.


INOVAÇÃO E ADAPTAÇÃO AO CENÁRIO


O CEME reúne hoje 67 núcleos de mulheres empreendedoras, em 12 regionais do Estado. No Dia Internacional da Mulher, sempre foi tradição os núcleos promoverem eventos comemorativos, cada um em sua cidade, envolvendo a comunidade.


Neste ano, em função das medidas de isolamento social e a restrição de eventos presenciais, o CEME assumiu a frente e planejou uma ação diferenciada para a data, visando a troca de experiências e o fomento à liderança feminina, que integrasse todas as nucleadas de Santa Catarina em um único local.


Com esse objetivo, a programação teve seis cases de mulheres falando sobre liderança na gestão de núcleos e associações empresariais. Foram elas: Eliana Reiter Estefano (representando as regionais Noroeste e Extremo Oeste), Erci Mariani Mattiello (Oeste e Meio Oeste), Maria Pissaia (Litoral e Vale do Itajaí), Silvia Coleraus (Norte e Planalto Norte), Sueli Laube Bonessi (Serra e Alto Vale do Itajaí) e Thayni Librelato (Sul e Extremo Sul).


Assista ao evento completo neste link.


HISTÓRIAS DE LIDERANÇA E SUPERAÇÃO


A primeira a se apresentar foi Eliana Estefano, atual presidente da CDL e Associação Empresarial de Maravilha. Empresária do ramo do vestuário, ela destacou os desafios, os aprendizados e contribuições do movimento associativista em sua trajetória como nucleada e empreendedora.


Saiba mais sobre esse case clicando aqui: https://bit.ly/3bqUTEU


Primeira mulher a receber o prêmio Empresário do Ano de Xaxim, em 2015, Erci Mattiello foi a segunda a apresentar seu case. Empresária do segmento educacional, ela relatou como foi a ascensão de sua empresa e os ganhos que teve ao entrar para o núcleo de seu município, em 2014, sendo a primeira coordenadora do grupo.


Veja o case neste link: https://bit.ly/3bsq4Qk


A terceira a explanar, Maria Pissaia, falou com entusiasmo sobre os 10 anos que participa do associativismo e os ganhos que teve ao longo desse período. Ela passou por diversos cargos de liderança até se tornar presidente da Associação Empresarial de Balneário Camboriú e Camboriú (ACIBALC) na gestão 2019/2020, deixando um grande legado à entidade.


Acesse o link para mais detalhes deste case: https://bit.ly/3bt6C65


A coordenadora do Núcleo da Mulher Empresária de Joinville, Silvia Coleraus, contou às participantes alguns fatores que tornam o núcleo um dos mais fortes do Estado, com 25 anos de atuação e quase 90 nucleadas. Ela frisou os dois principais objetivos do grupo, que são a capacitação das mulheres e a geração de negócios, destacando as ações desenvolvidas pelo núcleo que é referência dentro da Associação Empresarial de Joinville.


O case completo você pode assistir aqui: https://bit.ly/3kZoOqR


Sueli Bonessi, de Rio do Sul, também enfatizou práticas de sucesso adotadas pelo Núcleo da Mulher Empresária de sua cidade. Enquanto coordenadora, ela mencionou como o núcleo garante sua sustentabilidade financeira, como funciona o processo de captação de nucleadas e de que forma as mulheres são engajadas nos projetos do núcleo.


Confira mais detalhes deste case: https://bit.ly/30pbhQ5


Para finalizar as apresentações, a presidente da Associação Empresarial de Orleans (ACIO), Thayni Librelato, compartilhou como sua diretoria aplicou a gestão corporativa à entidade, mesmo tendo apenas duas colaboradoras e menos de 200 associados. Ela é a presidente mais jovem e a primeira mulher a assumir a liderança da ACIO, tendo alcançado grandes resultados em seus três anos na presidência.


O link para acesso ao case completo estará disponível em breve.


PROTAGONISMO E REPRESENTATIVIDADE


Presente na abertura do evento, o presidente da Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina (FACISC), Sérgio Alves, parabenizou as mulheres pelo seu dia e enfatizou a atuação das nucleadas em todo o Estado.


“Sinto muito orgulho dos núcleos das mulheres. Acho que vocês são inquietantes, porque vocês fazem acontecer. Essa garra, coragem, determinação que vocês têm é invejável e o trabalho de vocês faz a diferença”, afirmou.


De acordo com a presidente do CEME, Poliana de Oliveira, o evento demonstrou, mais uma vez, a representatividade, o potencial empreendedor e o perfil de liderança das mulheres catarinenses.


“Nada melhor do que aprender com as experiências de outras mulheres que, assim como nós, são grandes protagonistas. E o que é ser uma protagonista? É ser autora de sua própria história, é liderar pelo exemplo, é motivar, fomentar e impulsionar outras mulheres a crescerem ao seu lado. Afinal de contas, quando uma mulher incentiva os voos de outra mulher, ela está dando asas a si mesma”, comentou Poliana.


Segundo ela, o CEME acredita muito nesse protagonismo e, por isso, realizou o evento com mulheres que tiveram a coragem e a ousadia de dizer SIM, escrevendo um novo capítulo em suas histórias e abrindo portas para novas oportunidades.


“Quero agradecer às nossas seis convidadas por terem aceito mais este desafio e, às mulheres de todo o Estado que nos acompanharam, muito obrigada por terem atendido ao nosso chamado e estarem conosco nesta data tão cheia de significado e propósito”, finalizou